Público-alvo x Persona: Qual é a diferença?

Qual a diferença entre público-alvo e persona?

Antecipadamente, é preciso que você tenha uma coisa em mente. Persona e público-alvo não são a mesma coisa.

Ainda assim, é comum que haja alguma confusão com esses dois conceitos.

Por isso, identificar quem são seus clientes ideais é fundamental para o sucesso do seu negócio online. 

Sobretudo, porque os consumidores tornaram-se mais exigentes e suas expectativas também aumentaram. Ao mesmo tempo, a concorrência ficou mais intensa.

Portanto, é prudente não confundir estes dois termos e usar uma abordagem correta na hora de definir seu público ideal.

Dessa forma, entender a diferença entre estes dois conceitos será fundamental para que você crie estratégias de marketing direcionadas, relacionamentos mais fortes e consequentemente mais vendas.

Neste artigo iremos verificar as principais diferenças entre público-alvo e persona. 

Qual é a diferença entre público-alvo e persona

Antes de mais nada, público-alvo é um grupo específico de consumidores com características compartilhadas e com grande propensão de comprar seu produto ou serviço.

Ao passo que, persona é um perfíl baseado em uma pesquisa abrangente que descreve um cliente ideal. 

Nesse sentido, público-alvo olha para um grupo de consumidores enquanto que persona olha para um cliente específico.

O que é público-alvo?

Público-alvo é a abordagem tradicional para identificar clientes, ou seja, ele aponta para um grupo de pessoas com maior probabilidade de se interessar por seus produtos ou serviços.

Em outras palavras, criar um público-alvo envolve coletar informações sobre seus clientes com base em dados demográficos e psicográficos.

A informação é sintetizada e destilada em uma descrição geral do tipo de pessoa que está interessada em seu produto.

As informações demográficas incluem elementos como idade, sexo, localização geográfica e renda.

Esses fatores moldam uma imagem do tipo de cliente que está interessado em seu produto.

Informações psicográficas incluem valores, traços de personalidade e interesses e ajudam a enriquecer sua compreensão dos problemas do comprador.

Logo, todas essas informações juntas irão ajudar você a formular estratégias que atendam às necessidades do seu público-alvo.

Público-alvo
Exemplo de público-alvo

Um esboço de público-alvo pode ser algo como:

Idade: 25 – 40 anos

Sexo: Feminino

Renda: R$ 1.500 – R$ 3.500

Interesses: Marketing digital e Copywriting

Local: Brasil

Observações: Deseja trabalhar com marketing digital e criar seu próprio negócio online.

Essa representação geral de um cliente ajudará você a direcionar seu material de marketing e consequentemente aumentar suas chances de venda.

O que é persona?

Persona descreve um perfil individual do seu cliente ideal.

Em outras palavras, persona é um subconjunto dentro do público-alvo que permite que você entenda seus clientes de maneira mais aprofundada. 

Dessa forma, você pode ser mais específico e direcionar suas campanhas de marketing.

As personas são criadas utilizando dados semelhantes ao público-alvo, mas em um nível mais específico. Você pode ter várias personas dentro do seu público-alvo.

Personas - Atenda seus clientes em nível pessoal

Geralmente, personas são muito úteis para vendas b2b, pois ajudam a restringir o foco de um determinado setor para um tipo específico de produto.

Da mesma forma, podem ser utilizadas para vendas b2c, ajudando a ilustrar um tipo individual de clientes e seus padrões de compra.

Como você verá no exemplo abaixo, persona é uma versão mais detalhada do perfil do público-alvo. Permitindo que você obtenha mais informações sobre as tendências individuais dos seus clientes. 

 

Exemplo de persona

A definição de uma persona pode ser parecida com o exemplo abaixo: 

Nome: Beatriz Lima

Antecedentes: Beatriz trabalha como caixa de supermercado e está interessada em conhecer como funciona o marketing de afiliados.

Detalhes: Beatriz tem 25 anos, mora no Rio de Janeiro e ganha R$ 1.800 mensais.

Objetivos: Beatriz deseja trabalhar como afiliada nas horas vagas para gerar renda extra e poder pagar sua faculdade.

Características: Beatriz é entusiasmada, comprometida e curiosa.

Ou seja, utilizando esse modelo de definição de persona, um produtor digital com foco em marketing de afiliados adaptaria sua campanha de marketing para atrair Beatriz até uma página de vendas e apresentaria seu produto de forma direta.

 

Conclusão

Em suma, criar uma persona é essencial se você deseja que mais visitantes e clientes cheguem ao seu negócio. Isso não significa que você deve ignorar seu público-alvo.

No entanto, a abordagem de personas tem maior potencial de sucesso, considerando que o cenário do marketing digital muda rapidamente.

Por fim, se você optar por usar personas em suas estratégias de marketing, lembre-se de refinar e revisar constantemente sua abordagem por meio de testes A/B ou adicionar mais personas ao seu negócio. 

Como material complementar, recomendo a leitura do artigo, a diferença entre público-alvo e persona.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.